O low poo (pouco shampoo ou shampoo suave) e o no poo (sem shampoo) são rotinas de cuidados capilares que estão se tornando bem conhecidas. As técnicas foram desenvolvidas por Lorraney Massey, uma inglesa que escreveu o livro "O manual da garota cacheada", que é um guia de cuidados para cabelos cacheados. Mas não é somente quem tem cabelo cacheado que pode seguir as técnicas.

Para você que não sabe sobre o que se trata, vamos às definições:

Low poo: Rotina sem sulfatos e surfactantes pesados em shampoos e sem petroderivados (parafina, petrolato e óleo mineral).

No poo: Rotina sem sulfatos, petroderivados, silicones insolúveis e qualquer tipo de shampoo. 

Sobre os sulfatos: O shampoo com sulfato limpa além do necessário, removendo a sujeira junto com a hidratação, e também a oleosidade e os lipídios naturais, que são responsáveis pela proteção da haste capilar. Resultando no ressecamento dos fios e do couro cabeludo.

Sobre os petrolatos: Os petrolatos são como uma maquiagem e nas composições são inertes, ou seja, é um volume que barateia os produtos de beleza; por serem hidrofóbicos não interagem com a água, formando um filme de proteção que impede a perda de água dos fios e reduz o atrito ao pentear. Por criar esse filme, se faz necessário o uso de sulfato para sua remoção, e o vício de retirar e repor acaba danificando os fios. Shampoos sem sulfato limpam parcialmente os petrolatos, dando uma falsa sensação de brilho e maciez aos fios, e com o tempo ficam opacos, pesados e com resíduos.

Sobre os parabenos: Eles são componentes conservantes utilizados pela indústria cosmética para prevenir a proliferação de microrganismos e garantir a vida longa aos produtos. Eles não são proibidos para nenhuma das técnicas, mas são evitados por algumas pessoas por conta de possíveis alergias.

Co-wash: É a higienização dos fios com condicionador, é uma alternativa de limpeza suave que mantém os fios e o couro cabeludo limpos e mais hidratados. O produto pode ou não ter anfótero. O condicionador irá limpar seu cabelo desde que em sua rotina não use produtos com petrolatos e silicones insolúveis antes da lavagem co-wash. Quem segue o low poo não precisa fazer o co-wash, mas é uma ótima alternativa para utilizar menos shampoos.

E nada melhor que uma lista sempre a mão na hora de comprar os produtos. Com o tempo você vai acostumando com os nomes e nem vai precisar mais consultá-la. Lembrando que eu faço apenas low poo, então não sei muito sobre os componentes proibidos para no poo. E essas listas do post possuem apenas os principais componentes, clique aqui para consultar uma tabela mais completa.
Bom, normalmente os shampoos sem sulfato não fazem espuma, mas se você não utiliza produtos com parafina e petrolatos, eles limparão seus cabelos sem danificá-los.
Por onde começar?
Higienize os pentes, escovas, presilhas, etc. com shampoo com sulfato (mas sem petrolatos), para retirar parafinas, petrolatos e quaisquer outros resíduos de produtos mais antigos.
Antes de começar qualquer rotina (no poo ou low poo) é preciso preparar os fios, removendo os resíduos de derivados do petróleo. Para isso, faça a última lavagem utilizando shampoo com sulfato, (sem petrolatos), lavando o cabelo duas ou três vezes. Após a lavagem, faça uma hidratação (já com produtos liberados), para o cabelo não ficar muito ressecado; enxague e em seguida aplique o condicionador liberado para a técnica. E enxague normalmente.
Agora você já pode começar a técnica com os produtos liberados.
Em caso de uso de produtos proibidos, repetir o procedimento de lavagem com shampoo com sulfato.

O que  foi dito acima é apenas um resumo sobre as técnicas, e não substitui um estudo mais aprofundado sobre elas.

Links para auxiliar:
Manual low poo - Blog Cacheia (ainda tem uma lista de produtos liberados)
Rotina saudável - Grupo destinado a pessoas iniciantes nas técnicas, lá você encontra várias listas com produtos liberados e proibidos.
Lista de shampoos sem sulfato - Blog Cabelos de Rainha
Vídeo sobre como iniciar o low poo - Canal da Mari Morena

Agora, vamos ao assunto do título do post. 

Em abril de 2016 meu cabelo estava super ressecado, sem brilho e a dificuldade em pentear era bem grande. Com isso, fui buscar videos no no youtube sobre hidratação, foi aí que encontrei alguns videos sobre no poo e low poo. Fui olhar nos produtos que eu tinha em casa, e quase todos eram proibidos.
Em maio, fui começando a comprar produtos liberados, conforme os meus iam acabando, e sempre ia pesquisando mais sobre o low poo.
Em junho, iniciei de vez a técnica, com poucos produtos. Basicamente: shampoo de sabonete Dove, yamasterol amarelo, um creme para pentear e uma máscara de hidratação.

A parte boa do low poo: A maioria dos produtos são bem baratinhos, e eu acabo economizando muito mais do que se não tivesse fazendo a técnica.


O que mudou nos meus cabelos: 
Durante o primeiro mês, o meu cabelo não estava tão bonito. Isso porque foi tirada toda aquela "maquiagem" que os petrolatos deixavam. Pensei em desistir muitas vezes, mas lembrava de todo o ressecamento de antes e persistia.
Mas depois de um tempo ele ficou mais macio, brilhante, hidratado, mais sedoso e sem pontas duplas. E não sou apenas eu que vi diferença, muitas pessoas comentam comigo e perguntam o que eu estou usando.. E lá vou eu contar felizmente sobre o low poo. E eu nem hidrato muito meu cabelo mais, normalmente faço uma vez ao mês.
Durante o banho e na hora de pentear, percebi que o meu cabelo parou de cair na quantidade que caia.
Eu tive caspa uns seis meses depois de começar a técnica, usei um shampoo anti-caspa, depois não apareceram mais.
Sobre o crescimento, meus cabelos sempre cresceram de uma forma bem rápida, então não vi nenhuma diferença depois da técnica.
A parte ruim é que como meus cabelos estão mais hidratados eu acabei perdendo um pouco dos cachos e da definição.
A oleosidade ainda continua da mesma forma, por isso preciso lavar os cabelos todos os dias. E por causa de toda essa oleosidade, não faço o co-wash.


Eu acho muito importante a mudança de pensamentos e a questão do minimalismo reduzindo o consumismo daquilo que não tenho necessidade. E nada adianta apenas achar algo legal e não fazer nada a respeito, por isso eu gosto de visitar alguns sites e aprender mais sobre como reaproveitar algumas coisas e reduzir o que eu compro/gasto.
Além disso, também acho importante a questão de pensar mais no meio ambiente (olha a mente de engenheira ambiental aí), consumindo mais produtos naturais e menos industrializados. 
Um exemplo disso, é a técnica no poo, em que consiste em não usar produtos com silicones insolúveis e petrolatos, que além de não fazem bem para o cabelo, fazem mal para o meio ambiente.

Então, listei quatro produtos que parei de consumir e expliquei os motivos a seguir.
1. Produtos multiuso.
Eu comecei parando de usar uma marca específica porque li em algum lugar que esse produto amarela os móveis e eletrodomésticos, e então passei a utilizar vinagre, bicarbonato de sódio e detergente nas limpezas de casa. E quando fui reparar, estava comprando muito menos produtos de limpeza. O vinagre e o bicarbonato de sódio possuem diversas finalidades, principalmente juntos. E para a casa ficar com aquele cheirinho bom? Só utilizar algumas gotas de óleo essencial. 
No canal "A dica do dia" tem um vídeo com 10 dicas com vinagre e outro com 10 dicas com bicarbonato de sódio

2. Margarina.
Meu pai uma vez disse que "margarina é plástico derretido". Na hora, e nem dei muita bola, mas depois fui pesquisar mais sobre o assunto e acabei pensando que até que ele tem razão. Não sei se é no sentido literal, mas, a margarina é produzida do óleo vegetal, através de um processo de hidrogenação; ou seja, é um produto artificial, cheio de gordura e aditivos. Já a manteiga é de origem animal, produzida através do leite. Então, essa se tornou a minha opção na hora de comer aquele pão de sal bem quentinho.
Li no livro "Whole 30" que a manteiga ghee é mais saudável. E a Bela Gil nos ensina a fazê-la em casa. E encontrei um vídeo bem simples explicando a diferença entre a manteiga e a margarina.

3. Extrato de tomate.
Desde que vi o molho de tomate caseiro da Gabriela Kapim, do programa do GNT "Socorro meu filho come mal", aboli os extratos de tomate e faço os meus próprios molhos e deixo prontos no congelador. Além de ficarem muto bons, são mais saudáveis.

4. Refrigerante.
Além do grande teor de açúcar, eles são muito ácidos. No início, foi meio difícil, mas depois consegui não me importar mais com o vício que eu tinha.
O Dr. Drauzio Varella fez um vídeo bem sobre o vício em refrigerante.

Esse post foi inspirado no vídeo da Marieli Mallmann

Se você também se interessa pelo assunto, recomendo o "Um ano sem lixo", um blog criado pela Cristal com o intuito de reduzir o lixo que ela produz, e que é uma grande inspiração.

E você, tem algum produto que parou de consumir?


Vocês já viram aquele programa em que mulheres dos Estados Unidos juntam muitos cupons e fazem compras enormes gastando praticamente nada? Se eu morasse em um lugar que oferecesse tantos cupons, certeza que eu seria como elas. Isso porque eu já perdi as contas da quantidade de amostras grátis que eu já recebi (incluindo um pacotinho de arroz).
Existia um site que postava frequentemente sobre amostras e eu pedia quase todas, hoje ele está em manutenção, mas aguardaremos seu retorno. E como o espírito de "louca dos cupons e amostras" não morreu, vamos listar coisas boas.
1. O site Brindes Grátis tem algumas amostras, brindes e sorteios.

2. O Livra é um site em que você responde pesquisas, ganha pontos e depois pode trocar por prêmios. Já ganhei uma caneca, uma luminária e estou na espera de forminhas de cupcake.

3. O Nicequest é outro site de pesquisas, mas elas são em menor quantidade e com menos pontos, e eu ainda não consegui trocar por nenhum prêmio.

4.  O McDonald's possui um site  e um app com alguns cupons, e você ainda pode utilizar a sua nota fiscal para responder como foi sua visita e ganhar um "pague um, leve dois".

5. O Bob's Fã também possui vários cupons de descontos.

6. Para quem não paga meia entrada no cinema, o posto Ipiranga possui um programa de km de vantagens, em que você acumula pontos e paga mais barato nos ingressos do Cinemais.

7. O The Insiders é um site em que disponibiliza produtos para você testar gratuitamente, dar sua opinião e compartilhar a experiência em relação aos produtos. 

Dizem que dá certo:

Eu ainda não usei essas opções, mas são algumas indicações:

1. No Méliuz você ganha descontos e ainda tem uma porcentagem do seu dinheiro de volta. É assim: você loga no site, encontra a loja do seu interesse, vê o desconto e clica em "Ativar e Ir para a loja" e compra normalmente. E quando receber R$ 20,00, você já pode transferir o dinheiro para a sua conta. Se cadastrando aqui, você já recebe R$ 10,00 na primeira compra, e eu também!

2. Algumas lojas de cosméticos trocam embalagens vazias por produtos de graça. Quem Disse Berenice, O Boticário e MAC são uma delas. 

3. Respondendo um questionário no site do Outback, usando o número da nota fiscal, você ganha uma entrada na compra de um prato principal.

4. Com o cartão do Cinemark Mania você ganha descontos nos ingressos. Pena que não temos Cinemark aqui na minha cidade.

5. No app do Aliexpress tem alguns produtos para você receber, pagando 4 centavos, e depois avaliar. Só que a escolha das pessoas que irão receber os produtos é feito através de sorteio, e diferente da Valquíria, eu ainda não recebi nenhum.

E você possui mais alguma dica para nós que amamos um desconto/amostra/cupom?


As bandejas podem ter muitas utilidades, além de contribuir na organizaçã, também pode ser uma peça de decoração. Pesquisando algumas inspirações, pude encontrar muitas maneiras de usá-las.
Na cozinha:
01 - 02 - 03
No lavabo:
04 - 05 - 06
Organizando maquiagens e perfumes:
07 - 08 - 09 
Outras decorações:
10 - 11 - 12
A vantagem é que podemos encontrar vários modelos e formatos para adaptar conforme o estilo da decoração. E pra quem possui habilidades manuais (diferente de mim), pode fazer a sua personalizada. A Dani, do blog Ricota Não Derrete, nos ensina aqui.

Onde encontrar?
01. Feita de bambu, tem um toque mais tradicional. Tok&Stok
02. Feita de madeira. Tramontina
03. Bandeja de MDF, com várias estampas. Imaginarium
04. Aramada e metalizada. Tok&Stok
05. Bandeja vermelha. Etna
06. Feita com MDF, e possui acabamento laqueado. Oppa


Eu fiz um post com muitos conteúdos para estudos. E algumas pessoas pediram para eu falar sobre a minha rotina de estudos e para dar mais dicas sobre o assunto.
Por trabalhar em período integral, eu não consigo ter uma rotina específica, então, começo estudando o que tenho mais dificuldades.
Mas, utilizo uma técnica que me ajuda muito a memorizar e relembrar aquilo que já foi estudado, que são os mapas mentais (ou ficha de estudos). Eles servem para a revisão do conteúdo de uma maneira mais simplificada.
Você pode fazer a mão (como eu gosto de fazer), ou no computador. No início, toma um pouco do tempo, ainda mais se você gostar de tudo muito bonitinho, como eu. Mas com o tempo, você vai tendo prática e vai perceber que é uma maneira rápida de memorizar o conteúdo.

Cabeçalho: Para deixar os mapas mentais mais organizados.
1. Nome da matéria.
2. Assunto da matéria.
3. Data.
4. Número da folha correspondente ao assunto da matéria.

Alguns exemplos:
Links úteis:
1. A Carol, do site Esquemaria, disponibilizou 150 mapas mentais de diferentes matérias.
2. Vídeo com alguns mapas mentais do Artigo 5º da Constituição Federal.
3. A Bianca fez um post sobre um site para você criar seus mapas mentais online.
4. GoConqr é um outro site para você criar e compartilhar seus mapas mentais.


Lembra daquele meme "Três é bom" que eu já postei aqui? Hoje teremos a continuação dele, novamente, graças ao post da Ana Luíza.

Três nomes pelos quais você atende:
Não tenho muitos apelidos, na verdade, quase nenhum...
- Line
- Dadá (apelido dado pela minha irmã, quando era pequena, e que pegou entre a família da minha mãe)
- Bruna (muitas pessoas me confundem com a minha irmã, principalmente parentes que raramente vejo, e as vezes me chamam de Bruna e eu atendo com preguiça de corrigir a pessoa)

Três coisas que você gosta em você:
- Minha tranquilidade
- Meu cabelo 
- A organização dos meus cadernos

 Três coisas que você odeia/ não gosta em você:
- A habilidade em deixar algumas coisas para depois
- A dificuldade em perdoar
- As dores de cabeça constantes

Três coisas que você gosta nos outros:
- Sinceridade
- Cordialidade
- Pessoas desconhecidas que sorriem/dão "bom dia"

Três coisas que você odeia/ não gosta nos outros:
- Gente que quer mostrar o que tem, ou seja, materialistas demais
- Pessoas interesseiras e falsas
- "Oi sumida".

Três partes da sua herança:
- Livros
- Maquiagens
- Canetas

Três coisas que assustam você:
- Barata
- Agulhas
- Eventos com pessoas que não conheço
Três coisas essenciais no seu dia:
- Café da manhã 
- Algo doce depois do almoço
- Abraço nos meus cachorros

Três coisas à toa que te deixam feliz:
- Roupas com cheirinho de amaciante
- Assistir Netflix comendo algo
- Maracujás do meu quintal

Três coisas que você está vestindo agora:
- Calça vermelha
- Blusa de moletom
- Tênis

Três dos seus artistas/ bandas favoritos (neste momento):
- Rivers and Robots
- Anavitoria
- Preto no Branco

Três das suas canções favoritas (neste momento):
- To The Highest Place - Rivers and Robots
- A Começar em Mim - Victor Pradella
- Seria Tão Bom - Paulo César Baruk

Três novas coisas que você quer tentar nos próximos 12 meses:
- Aprender AutoCAD
- Fazer uma hortinha bem variada em casa
- Ser mais disciplinada

Duas verdades e uma mentira, qual a mentira?
- Eu odeio banana
- Já fui professora de ballet
- Me dou muito bom com crianças, sonho em ter filhos

Três nomes de filhos:
- João
- Laura
- Cecília

Três coisas que você simplesmente não consegue fazer:
- Gargarejar
- Matar barata
- Qualquer coisa que exija habilidades manuais
Três coisas que você deveria fazer:
- Estudar mais
- Comer menos doces
- Exercícios físicos

Três dos seus hobbies favoritos:
- Ler livros
- Assistir séries
- Brincar com meus cachorros

Três coisas que você quer fazer antes de morrer:
- Trabalhar com algo que eu ame fazer
- Ler a bíblia toda (antes do final do ano)
- Viajar bastante pelo Brasil

(E nas verdade e uma mentira, a última é mentira. Não tenho habilidades com crianças e não tenho vontade de ter filhos)


Mais duas histórias engraçadas da minha avó Alaíde. Se você gostar dessas e ainda não leu o outro post sobre ela, clique aqui para se divertir um pouco.

Notebook
Esse diálogo aconteceu há alguns anos atrás. A minha avó estava conversando com a sua sobrinha Juliana, em algum momento da conversa, elas falavam sobre a minha tia Cláudia. E a minha avó diz:
- Eu já falei para a Cláudia que ela tem que comprar um computador.
- Computador não, tia Alaíde. Ela tem que comprar um notebook. É bem melhor. - diz Juliana.
- Mesmo? Então anota esse nome aí no papel para eu falar pra ela.
Então, a Juliana anota e entrega o papel para minha avó, que guarda no bolso da calça.

No mesmo dia, a minha avó estava indo à padaria e encontrou duas antigas amigas da minha tia Cláudia, em que não as via há muito tempo. Conversou um pouco com elas, foi à padaria e voltou para casa.

Quando chega em casa, vê a minha tia e lembra das amigas que ela encontrou. 
- Cláudia, eu encontrei duas amigas suas na rua. E elas perguntaram por você.
- Que amigas?
- Não lembro o nome delas não.. Ah... Mas eu anotei, espera um pouco.
Então, minha avó coloca a mão no bolso e tira um papel:
- Uma chama Note e a outra Book!
..................................................................................................................................
Aquela que sobe
Em um dia de semana, meu pai chega na casa da minha avó, assim que ela o vê no portão já vai logo dizendo.
- César, você ficou sabendo que aquele rapaz morreu?
- Que rapaz mãe?
- Você sabe. O irmão daquele menino.
- Que menino?
E essa conversa se prolonga até que ela lembra o nome do rapaz.
- Ele morreu como?
- Daquela doença que sobe.
- Doença que sobe? Avião?
- Não César!
- Elevador?
- Não César, larga de ser "burricido". Como é mesmo o nome?
Sem lembrar, a conversa fica por isso mesmo. Até que minha avó lembra, e o rapaz morreu porque a glicose havia subido muito.


O dia dos namorados está chegando, e eu fiz uma lista de algumas coisas legais que podemos fazer a dois para sair da rotina. São todos os itens super fáceis de fazer, mas que com a correria do dia a dia, acabamos deixando passar alguns momentos e oportunidades de deixar o dia mais divertido.
E para recordar, um post com 20 pequenos gestos de amor, que também fazem a diferença nos detalhes.


O inverno aqui na minha cidade nem parece muito inverno, mas os 17°C que temos já é motivo para tirar as cobertas e os casacos do armário. Eu encontrei algumas inspirações de tricôs gigantes que só de olhar já dá uma sensação de aconchego. E o melhor, é que podem também servir de decoração.

1. Com esse cobertor, minha cama dificilmente ficaria tão arrumadinha assim.
2. Essa foto deu vontade de ir correndo para casa assistir um filme e fazer um chocolate quente.
3. Essa coberta deixou o sofá com um charme a mais. 


Um meme para um post centenário!

Ha um pouco mais de um ano, eu vi que meu antigo blog estava mais que abandonado e criei um novo, ainda mais pessoal, com coisas legais que encontro e situações diferentes e as vezes engraçadas que acontecem comigo.
Hora de riscar aquilo que já foi feito!

1. Criou seu próprio blog.
2. Dormiu sob as estrelas. (considerei acampamento com amigos)
3. Tocou numa banda. (época boa em que eu tocava flauta no conservatório municipal)
4. Visitou o Havaí.
5. Viu uma chuva de meteoros. (nunca vi nem estrela cadente)
6. Doou mais do que podia para caridade. 
7. Foi para a Disney.
8. Escalou uma montanha. (não foi bem uma montanha)
9. Segurou um louva-Deus.
10. Cantou um solo.
11. Pulou de bungee jump.
12. Visitou Paris.
13. Viu uma tempestade de raios no mar.
14. Aprendeu uma forma de arte sozinho. (colar papeis em uma caixa foi minha arte)
15. Adotou uma criança.
16. Teve uma infecção alimentar.
17. Visitou a Estátua da Liberdade (ou o Cristo Redentor).
18. Cultivou seus próprios vegetais.
19. Viu a Mona Lisa na França.
20. Dormiu num trem-leito.
21. Participou de uma luta de travesseiros.
22. Viajou pedindo carona.
23. Faltou por estar doente e não estava. (quem nunca?)
24. Construiu um forte na neve.
25. Segurou um carneiro.
26. Mergulhou pelado.
27. Correu uma maratona.
28. Se escondeu em uma gôndola em Veneza.
29. Viu um eclipse total.
30. Viu o nascer e o pôr-do-sol.
31. Fez um home-run (google diz que é algo no beisebol).
32. Esteve em um cruzeiro.
33. Viu as Niagara Falls ao vivo.
34. Visitou o lugar onde seus ancestrais nasceram.
35. Viu uma comunidade Amish.
36. Aprendeu uma língua nova sozinha.
37. Teve dinheiro o bastante para ficar realmente satisfeito.
38. Viu a Torre Inclinada de Pisa.
39. Escalou nas rochas.
40. Viu "David" de Michelangelo.
41. Cantou karaokê.
42. Viu um gêiser em erupção.
43. Pagou uma refeição para um estranho.
44. Visitou a África.
45. Andou na praia à luz da lua.
46. Foi transportado por uma ambulância.
47. Teve um retrato seu pintado.
48. Pescou no alto-mar.
49. Viu a Capela Sistina em pessoa.
50. Esteve no topo da Torre Eiffel em Paris.
51. Mergulhou ou fez um snorkel.
52. Beijou na chuva.
53. Brincou na lama.
54. Foi a um cinema drive-in.
55. Foi ao cinema.
56. Visitou a Muralha da China.
57. Abriu seu próprio negócio.
58. Teve aula de artes marciais.
59. Visitou a Russia.
60. Trabalhou em uma cozinha do sopão.
61. Vendeu biscoitos de escoteiras.
62. Admirou baleias.
63. Ganhou flores sem motivo.
64. Doou sangue.
65. Pulou de para-quedas.
66. Visitou um campo de concentração nazista.
67. Teve um cheque devolvido.
68. Voou em um helicóptero.
69. Guardou um brinquedo de infância. (meu Baby Dinossauro ♥)
70. Visitou o Lincoln Memorial.
71. Comeu caviar.
72. Fez um quilt.
73. Foi até Times Square.
74. Conheceu os Everglades.
75. Foi demitido.
76. Assistiu a mudança de guardas em Londres.
77. Quebrou um osso.
78. Andou em uma motocicleta de corrida.
79. Viu Grand Cânion ao vivo.
80. Publicou um livro.
81. Visitou o Vaticano.
82. Comprou um carro zero. 
83. Andou em Jerusalém.
84. Teve uma foto sua no jornal.
85. Leu a Bíblia inteira.
86. Visitou a Casa Branca.
87. Matou e preparou um animal para comer.
88. Teve catapora. (com 14 anos)
89. Salvou a vida de alguém.
90. Participou de um júri.
91. Conheceu alguém famoso.
92. Participou de um clube do livro.
93. Perdeu um ente querido.
94. Teve um bebê.
95. Viu o Alamo ao vivo.
96. Nadou no Great Salt Lake.
97. Processou alguém ou foi processado.
98. Teve um celular.
99. Foi picado por uma abelha. (foi assim que descobri minha alergia)
100. Foi ao Canal do Panamá.


O inverno está chegando, e para a combinação do frio e cobertor ficar ainda melhor, vamos acrescentar o chocolate quente. A receita é bem simples e fica muito bom.
Ingredientes:
- 2 xícaras de chá ou uma caneca de leite
- 3 colheres de sopa de chocolate em pó (não use achocolatado)
- 4 colheres de sopa de açúcar
- 1/2 caixinha de creme de leite
- Opcional: chantili ou canela

Obs.: Se você quiser utilizar o cacau em pó no lugar do achocolatado, a quantidade de açúcar é a mesma do cacau. Normalmente uma colher se sopa para a medida da caneca de leite.
Modo de Preparo:
Coloque na panela o leite, o chocolate em pó e o açúcar (e a canela). Misture até ficar homogêneo. Ligue o fogo baixo e mexa bem até ferver. Desligue e acrescente o creme de leite. Sirva ainda quente.


Consequência de vida de casada: Abraço as roupas com cheirinho de amaciante.
Fato triste: Conheci um amaciante de roupas que tem um perfume maravilhoso. Comprei e usei nas roupas todas. Depois que ele acabou, o preço dobrou o valor e eu nunca mais tive coragem de comprar. Promoção cadê você?

Carlos Gualberto Amorim foi o primeiro radioamador na minha cidade, e também foi meu avô paterno e marido da Alaíde. Além disso, foi o responsável por trazer a primeira televisão em cores na mesma cidade. Mesmo com o pouco estudo que tinha, era conhecido por seus dotes intelectuais, o que gerou seu apelido "Professor Pardal" (aquele gênio das histórias em quadrinhos do Walt Disney), porque além das suas atividades na rádio, trabalhava em sua oficina caseira, também foi Comissário de Menores e ainda arranjava tempo para a garimpagem.
Mas o destaque mesmo foi para esse anúncio publicado no dia 30 de março de 1972, no Jornal dos Municípios. Olha só que recordação boa:
Infelizmente não tive o prazer de conhecê-lo, pois ele morreu quando eu tinha apenas dois meses de idade, em razão de um câncer no pulmão.

Falando na família Amorim... Vamos a um diálogo que aconteceu essa semana:

Eu estava no alpendre da casa da minha avó, conversando com ela e com a minha tia Cláudia. E minha avó pergunta:
- Aline, você cozinha todo dia na sua casa?
- Cozinho sim. As vezes o Helinho faz alguma comida pra gente também.
- Viu Cláudia. Você deveria aprender.
- Nem.. Pra quê? Morro de preguiça. Prefiro comer fora.
- A Verônica também faz muitas comidas, ela faz até bolo. - minha avó diz, não satisfeita com a resposta dela.
E a minha tia responde:
- Deus me livre cozinhar igual a Verônica, ela diz que o pão de queijo dela é o melhor. E eu nunca comi um tão muxibento. E o bolo dela nem cresce. Se for pra cozinhar desse jeito, prefiro nem aprender!


No início de fevereiro, esquecendo aquela lista cheia de metas inconcluídas, eu fiz uma lista com cinco hábitos simples para serem adotados em um mês. Todos os itens foram concluídos com sucesso, e eu contei isso em um post cheio de positividade

E lá vai mais uma lista com mais cinco hábitos para serem acrescentados na nossa rotina!

1. Faça uma limpeza no guarda-roupas e doe roupas e sapatos que não usa. Faço isso menos do que gostaria, mas pra que tanta roupa na gaveta, se uso sempre as mesmas? Hora de fazer uma faxina!
2. Coma mais verduras. Essa era uma meta que eu tinha uma certa dificuldade para realizar por conta de sempre comprar as mesmas verduras, mas aos poucos estou conseguindo. E isso precisa ser realmente um hábito. Vamos comer mais verduras?
3. Beba mais água. Isso parece até uma frase que a minha mãe sempre fala comigo. Eu tenho essa dificuldade em beber água, sei que faz bem para a saúde e para a pele, mas cadê a vontade de beber água? É hora de parar com a preguiça e tomar água!
4. Durma mais cedo. Comecei outra faculdade, tenho que acordar meia hora mais cedo e o que eu faço? Durmo mais tarde e fico o dia todo abrindo a boca. Esse é um hábito que precisa ser incluído e cumprido com mais prioridade. 
5. Pense positivo! Acredito que pensamentos e palavras positivas atraem coisas boas, então é hora de parar de reclamar/murmurar (e isso acontece sem percebermos) e pensar que tudo acontece por causa de um propósito e irá se resolver.


O estoque de maquiagens foi renovado, depois de passar muita raiva com a minha paleta de sombras (aquela de 120 cores) que tinha zero pigmentação... Então vou dar minha breve opinião a respeito de cada item. Não vou fazer resenha, pois a sabedoria de blogueiras de beleza é inexistente.
P.S.: Ganhei a maioria dos produtos, mas não encontrei nenhum titulo adequado para esse post.
Palette Divina Eudora. São dez sombras (acabamentos cintilantes e mate), um blush coral, um iluminador e um batom glossy. Além de ter um embalagem linda, as cores são super pigmentadas e duram bastante; eu gostei do tom neutro delas. O blush possui um brilho bem suave e a cor nem apareceu muito. O iluminador possui um tom champanhe e deu muito certo na minha pele, o brilho é bem discreto. E o batom é bem clarinho, fica apenas um aspecto de gloss. Valor: R$ 139,99.

Corretivo Natura Aquarela. O tom desse corretivo deu super certo para disfarçar minhas olheiras, ele é mais líquido, possui uma cobertura mais suave, uma fragrância bem leve e é de fácil aplicação. A desvantagem é que ele acumula nas linhas de expressão, então é meio que indispensável o uso de pó logo depois, para selar. Valor: R$ 28,90.

Corretivo Yellow Mary Kay. Eu uso esse corretivo há uns cinco anos, gosto do tom amarelo dele para disfarçar as minhas olheiras arroxeadas; e ele é mais concentrado que o da Natura e dura bastante. Não possui fragrância, o que é um ponto positivo para quem é alérgico.

Delineador Líquido para Olhos Natura Aquarela. Foi a primeira vez que eu usei esse delineador e já fiquei apaixonada. Ele possui uma ótima pigmentação e a ponta do aplicador é bem fina, o que facilita na finalização para a pessoa aqui que não possui muita coordenação motora. Valor: R$ 29,90.

Pincel Para Olhos Finalizador Natura Una. As cerdas são bem macias e é utilizado para finalizar o esfumado e dar um acabamento mais bonito na sombra. Valor: R$ 23,90.

Pincel Para Delinear Sombra Eudora. Gostei muito por ser bem firme e de fácil aplicação da sombra. Ótimo para delinear na raiz dos cílios. Valor: R$ 21,99.

Máscara de Cílios Tango 2 em 1. A embalagem é bem linda, e o pincel de aplicação é bem firme. Eu gostei bastante dele pois posso ficar o dia todo com a máscara e ele não borra nada, diferente do que acontece com aquele da Eudora Soul. Possui uma fragrância forte para quem costuma ter alergia, mas não é algo que me incomoda. Valor: R$ 18,00.
Três batons que comprei em uma super promoção de uma revendedora, todos por trinta golpinhos. Os valores abaixo são os que estavam nos sites das marcas. Ponto positivo em ambos: eles possuem FPS 15. 
Lip Deluxe Hidratante - Classic Rouge - Eudora. É bem cremoso, e mais claro do que mostra na foto. A durabilidade dele é muito boa. Valor: R$ 34,99.
Extra Lasting - Tomate - Avon. Seu formato mais fino facilita na aplicação e gostei muito da durabilidade dele. Valor: R$ 14,99.
Batom Intenso - Rosa 15 - Natura Una. O tom do rosa é bem lindo, é bem cremoso e tem uma durabilidade boa. Valor: 39,90.
 E para finalizar, uma mascara mais que maravilhosa:
Máscara Diva Volume Máximo Eudora. É o tipo de produto que a gente compra primeiramente pela embalagem, mas acaba apaixonando pelo conteúdo. Gostei dessa escovinha para aplicação e deixou um volume muito bom.Valor: R$ 59,90.


Concluindo mais um item da minha lista de 101 coisas, compramos algumas plantas para nosso jardim. Estou adiando esse post há algum tempo, mas consegui reunir todas as fotos e detalhes das bonitezas verdes que alegram a casa.
Na entrada, nós escolhemos uma palmeira fênix e duas árvores de azaleias.  Além das mini rosas em baixo da janela.
E compramos mais terra e adubo para a minha singela horta, agora precisamos de mais mudas. Olha só como o pé de manjericão cresceu. Esse aí do lado é um pé de limão siciliano. 
A maioria das suculentas que tenho foram ganhadas e, por enquanto, vou deixa-las no móvel da churrasqueira mesmo. Essas casinhas foram feitas em cascas de árvores, comprei em Trancoso. 
O pé de pimenta só está crescendo. E essa arvorezinha a direita era um bonsai de pitanga que plantamos pra ver se dá frutos.. Até agora continua bem bonito.
Essas flores do maracujá são muito lindas, também temos flores brancas. E olha só os primeiros frutos aparecendo!