Hoje eu estava vendo as fotos do meu álbum de casamento, que aconteceu há dois anos e meio, e então me deparei com algumas fotos "abstratas" que marcaram cada detalhe daquele dia. E vou compartilhar algumas lembranças com vocês.

Começando com meu até então noivo se arrumando, 10 minutos antes do horário da cerimônia. Ser homem tem suas vantagens.
A minha cabeleireira tão querida me arrumando. 
 A satisfação de encontrar o topo de bolo do jeito que eu queria nunca será esquecida!
As alianças!
Lembrei de uma coisa!!! Quando eu estava fazendo a prova do cabelo e da maquiagem, tinha um fotógrafo lá no salão para tirar fotos de uma noiva e ele disse algo que  jamais esquecerei: "Se no dia do seu casamento você pegar o buquê e ele não for o buquê que você quer, finge que é". E não é que aconteceu exatamente isso? Mas sei que ele disse se referindo a tudo o que planejamos, e que as vezes não sai como sonhamos, mas não podemos preocupar a nossa mente com coisas tão pequenas diante de tudo o que fizemos. 
Essa frase vale para vida! 
Bom, essa foto tem um pouquinho de cada detalhe que eu amo recordar. A última coisa que eu escolhi foi a decoração, não sabia qual cor teria. E por fim, a decoradora foi maravilhosa em conseguir fazer do jeito que eu queria. Azul e branco!
E para finalizar, uma frase que meu pai sempre fala e serviu em quase todas as decisões: "Nada ganha do simples".


Eu gosto muito de ver posts sobre o que as pessoas levam em suas bolsas. Pensando nisso, ontem eu fotografei as minhas bolsas. 
De segunda a sexta, eu uso uma mochila, pois "carrego" muitas coisas, isso porque saio de casa junto com meu marido e depois fico esperando ele no trabalho para irmos embora. Ou seja, chego uma hora antes e vou embora uma hora depois do meu horário de trabalho, tendo tempo para estudar.
O que eu levo: Meu óculos de grau, chave de casa e do trabalho, carteira, duas necessaires igualmente velhas, pendrive com arquivos de estudos, dois cadernos, bíblia, estojo com um milhão de canetas coloridas, agenda, "uma pergunta por dia" e meu celular que estava em algum lugar por aí.
Na primeira necessaire tem remédio para dor de cabeça (algo que não pode faltar nunca), borrachinhas de cabelo, batom, álcool em gel, perfume que nunca uso e fio dental.
Na segunda necessaire tem CC Cream, corretivo, rímel, pasta de dente, escova de dente, lixa velha, mais dois batons, grampo e borrachinhas de cabelo.
Mochila muito velha, mas que eu gosto muito pois ela é pequena e cabe tudo que eu preciso.
Essa bolsa eu uso nos finais de semana, eu ganhei da minha mãe e da minha irmã no meu aniversário do ano passado. Eu gosto muito dela, mesmo sendo pequena e me fazendo levar pouca coisa.


Primeiro de tudo: Pensar em lugares que estão guardados na memória com um carinho especial. Depois, pensar nos lugares legais que já visitei (que não foram muitos).
Agora é juntar tudo o que tem de melhor de cada um deles e imaginar tudo em um só lugar.

O meu lugar perfeito seria assim:

Um pouco do aconchego da casa dos meus pais, da agitação da casa da minha avó, um pouco do cheirinho da casa da tia Lulu, e a paz da casa das minhas cunhadas. 
Um pouco do pão de queijo de Minas Gerais (são tantos que não posso escolher de um lugar só), dos biscoitos da minha avó, da lasanha do meu tio André e do melhor chocolate quente de já tomei, em Campos do Jordão.
O melhor chá da tarde em São Paulo, os museus para um pouco mais de cultura e claro, a animação da minha tia e minha prima. Para os dias de tranquilidade, a praia Coroa Vermelha em Porto Seguro. Para os dias de tristeza, as praias de Fortaleza.
O clima (não o calor) do Rio de Janeiro, as belas praias para animar os dias tristes e o jardim botânico para os dias de paz.
Cada lugar que já visitei deixou uma recordação, algumas foram boas e outras ruins, mas essas últimas a gente esquece. 

Escrever sobre os lugares e os momentos que me fizeram feliz foi muito bom. Ainda mais imaginando tudo em um só lugar.
Qual seu lugar perfeito?


Suspiro é uma das minhas sobremesas preferidas. Ainda mais se for feito pela minha mãe. Agora, imagina um suspirão crocante com um recheio macio? Maravilha da culinária!
Essa sobremesa foi criada por um chefe de cozinha em homenagem a bailarina Anna Pavlova.
Então, separei três receitas para nos inspirar. 
01. Uma receita feita especialmente paro o Natal, pela Dani Noce, do blog I Could Kill For Desert.
02. Esse recheio de amora e laranja me deixou com água na boca. A receita está no blog A Cozinha Coletiva, do Richie.
03. Uma combinação de chocolate e frutas vermelhas não poderia estar em um lugar melhor do que nessa receita da Jona Roque, do blog As Minhas Receitas.


No sábado eu tive um casamento para ir, eu tinha duas opções de vestidos. Essas duas opções me deixaram a dúvida: Vestido lindo sem bolsa ou vestido nem tão lindo com bolsa linda? Escolhi a primeira opção.
O sapato era o único apropriado para festa, então não tinha outra alternativa.

Durante a festa, fiz mentalmente uma lista com três coisas que nunca faria. Depois, meu pensamento foi esse: "Sério que eu fiz uma lista durante uma festa?"

Acrescentando mais alguns itens, e esquecendo a frase "nunca diga nunca", fiz uma lista com 5 coisas que nunca faria.

1. Furar fila. Eu não consigo, não importa quanto tempo eu tenha que esperar, acho falta de respeito com as pessoas que estão na fila.  
2. Tirar os sapatos em uma festa e ficar dançando descalça. Se souber que que irei a uma festa e haverá a possibilidade de tirar os sapatos, levo uma rasteirinha e deixo no carro. Não consigo ficar descalça nessas situações.
3. Rir de alguém que tropeça na rua. Talvez eu ria depois? Somente se tiver sido muito engraçado. Fora isso, penso que poderia ser eu, e consigo segurar a risada tranquilamente, e as vezes finjo que não vi a pessoa tropeçar.
4. Dormir maquiada. Não importa o quão cansada e esteja, no mínimo uso demaquilante e um lenço umedecido.
5. Xingar alguém. Posso fazer isso em pensamento? Sim. Mas verbalizar, jamais.
Essa imagem ilustra perfeitamente o post? Não.
Mas acho que nunca desistir seria algo que eu não deveria fazer, mas faço.
Agora quero saber o que você nunca faria?



As vezes os grandes valores estão nas coisas simples do nosso dia a dia. Eu fiz uma pequena lista com 20 pequenos gestos que podemos fazer para que possamos demonstrar o nosso amor.

1. Escrever um bilhete e deixar no bolso da calça dele/dela.
2. Levar até ele/ela um copo d'água para lembrá-lo/la que faz bem à saúde.
3. Separar materiais de jornais ou revistas que você sabe que ele/ela pode se interessar.
4. Revelar uma foto de vocês e dar de presente para ele/ela.
5. Mandar uma música para ele/ela por ter escutado e lembrado dele/dela.
6. Entregar a toalha de banho assim que ele/ela sair do chuveiro.
7. Aprimorar as habilidades culinárias fazendo a comida preferida dele/dela.
8. Ir ao cinema assistir um filme que ele/ela quer muito assistir, mas você não.
9. Lembrar datas como primeiro beijo, primeiro encontro, dia que se conheceram.
10. Assistir e acompanhar uma série juntos, e não assistir um episódio sem o outro.
11. Fazer uma massagem nele/nela depois de um dia cheio de trabalho.
12. Comprar um presente, mesmo que baratinho, sem ser um uma data comemorativa.
13. Dar um abraço apertado e demorado quando se encontrarem no final do dia.
14. Escrever as qualidades dele/dela em um papel e entregar para ele/ela no final do dia.
15. Não esquecer de fazer elogios sinceros.
16. Fazer um origami de coração e entregar para ele/ela.
17. Preparar um café da manhã e levar na cama para ele/ela.
18. Mandar uma mensagem de texto no meio do dia dizendo apenas "eu te amo" ou "estou com saudade".
19. Comprar apenas um chocolate gourmet e dar para ele/ela.
20. Separe um momento do dia somente para você dois.


Eu gostava muito de aplicativos no celular para aprimorar o inglês, mas atualmente eu prefiro assistir videos no youtube, pois acho que está sendo melhor para memorizar pronúncia e escrita. 
Por isso, separei 10 canais para vocês conferirem. A maioria deles tem videos descontraídos e didáticos.
A professora Carina Fragozo faz videos rápidos e bem descontraídos, com dicas de variados assuntos da gramática, pronúncia, gírias, dicas e outras coisas.
Videos toda quinta-feira feitos pela Marcela, sempre com bastante humor.
Aulas de inglês desde o nível básico até níveis mais avançados. Tem dicas rápidas de como estudar, aulas com música, inglês na vida real e muitos outros assuntos.
Ele é americano e o seu canal possui ótimas aulas com assuntos variados. E também tem aulas completas, com duração de uma hora.
Ela faz videos com assuntos variados, mas suas dicas de inglês são ótimas e bem descontraídas.
Ela compartilha experiências e dicas de forma divertida.
Esse canal é ótimo para quem quer aperfeiçoar a pronúncia. E se você quiser, pode colocar legenda em inglês ou português.
Entretenimento, aprendizado, entrevistas e tudo mais relacionado ao inglês. 
O Bruno nos apresenta dicas com as mais variadas formas. Mistura desafios, bate-papo e muitas participações.