O low poo (pouco shampoo ou shampoo suave) e o no poo (sem shampoo) são rotinas de cuidados capilares que estão se tornando bem conhecidas. As técnicas foram desenvolvidas por Lorraney Massey, uma inglesa que escreveu o livro "O manual da garota cacheada", que é um guia de cuidados para cabelos cacheados. Mas não é somente quem tem cabelo cacheado que pode seguir as técnicas.

Para você que não sabe sobre o que se trata, vamos às definições:

Low poo: Rotina sem sulfatos e surfactantes pesados em shampoos e sem petroderivados (parafina, petrolato e óleo mineral).

No poo: Rotina sem sulfatos, petroderivados, silicones insolúveis e qualquer tipo de shampoo. 

Sobre os sulfatos: O shampoo com sulfato limpa além do necessário, removendo a sujeira junto com a hidratação, e também a oleosidade e os lipídios naturais, que são responsáveis pela proteção da haste capilar. Resultando no ressecamento dos fios e do couro cabeludo.

Sobre os petrolatos: Os petrolatos são como uma maquiagem e nas composições são inertes, ou seja, é um volume que barateia os produtos de beleza; por serem hidrofóbicos não interagem com a água, formando um filme de proteção que impede a perda de água dos fios e reduz o atrito ao pentear. Por criar esse filme, se faz necessário o uso de sulfato para sua remoção, e o vício de retirar e repor acaba danificando os fios. Shampoos sem sulfato limpam parcialmente os petrolatos, dando uma falsa sensação de brilho e maciez aos fios, e com o tempo ficam opacos, pesados e com resíduos.

Sobre os parabenos: Eles são componentes conservantes utilizados pela indústria cosmética para prevenir a proliferação de microrganismos e garantir a vida longa aos produtos. Eles não são proibidos para nenhuma das técnicas, mas são evitados por algumas pessoas por conta de possíveis alergias.

Co-wash: É a higienização dos fios com condicionador, é uma alternativa de limpeza suave que mantém os fios e o couro cabeludo limpos e mais hidratados. O produto pode ou não ter anfótero. O condicionador irá limpar seu cabelo desde que em sua rotina não use produtos com petrolatos e silicones insolúveis antes da lavagem co-wash. Quem segue o low poo não precisa fazer o co-wash, mas é uma ótima alternativa para utilizar menos shampoos.

E nada melhor que uma lista sempre a mão na hora de comprar os produtos. Com o tempo você vai acostumando com os nomes e nem vai precisar mais consultá-la. Lembrando que eu faço apenas low poo, então não sei muito sobre os componentes proibidos para no poo. E essas listas do post possuem apenas os principais componentes, clique aqui para consultar uma tabela mais completa.
Bom, normalmente os shampoos sem sulfato não fazem espuma, mas se você não utiliza produtos com parafina e petrolatos, eles limparão seus cabelos sem danificá-los.
Por onde começar?
Higienize os pentes, escovas, presilhas, etc. com shampoo com sulfato (mas sem petrolatos), para retirar parafinas, petrolatos e quaisquer outros resíduos de produtos mais antigos.
Antes de começar qualquer rotina (no poo ou low poo) é preciso preparar os fios, removendo os resíduos de derivados do petróleo. Para isso, faça a última lavagem utilizando shampoo com sulfato, (sem petrolatos), lavando o cabelo duas ou três vezes. Após a lavagem, faça uma hidratação (já com produtos liberados), para o cabelo não ficar muito ressecado; enxague e em seguida aplique o condicionador liberado para a técnica. E enxague normalmente.
Agora você já pode começar a técnica com os produtos liberados.
Em caso de uso de produtos proibidos, repetir o procedimento de lavagem com shampoo com sulfato.

O que  foi dito acima é apenas um resumo sobre as técnicas, e não substitui um estudo mais aprofundado sobre elas.

Links para auxiliar:
Manual low poo - Blog Cacheia (ainda tem uma lista de produtos liberados)
Rotina saudável - Grupo destinado a pessoas iniciantes nas técnicas, lá você encontra várias listas com produtos liberados e proibidos.
Lista de shampoos sem sulfato - Blog Cabelos de Rainha
Vídeo sobre como iniciar o low poo - Canal da Mari Morena

Agora, vamos ao assunto do título do post. 

Em abril de 2016 meu cabelo estava super ressecado, sem brilho e a dificuldade em pentear era bem grande. Com isso, fui buscar videos no no youtube sobre hidratação, foi aí que encontrei alguns videos sobre no poo e low poo. Fui olhar nos produtos que eu tinha em casa, e quase todos eram proibidos.
Em maio, fui começando a comprar produtos liberados, conforme os meus iam acabando, e sempre ia pesquisando mais sobre o low poo.
Em junho, iniciei de vez a técnica, com poucos produtos. Basicamente: shampoo de sabonete Dove, yamasterol amarelo, um creme para pentear e uma máscara de hidratação.

A parte boa do low poo: A maioria dos produtos são bem baratinhos, e eu acabo economizando muito mais do que se não tivesse fazendo a técnica.


O que mudou nos meus cabelos: 
Durante o primeiro mês, o meu cabelo não estava tão bonito. Isso porque foi tirada toda aquela "maquiagem" que os petrolatos deixavam. Pensei em desistir muitas vezes, mas lembrava de todo o ressecamento de antes e persistia.
Mas depois de um tempo ele ficou mais macio, brilhante, hidratado, mais sedoso e sem pontas duplas. E não sou apenas eu que vi diferença, muitas pessoas comentam comigo e perguntam o que eu estou usando.. E lá vou eu contar felizmente sobre o low poo. E eu nem hidrato muito meu cabelo mais, normalmente faço uma vez ao mês.
Durante o banho e na hora de pentear, percebi que o meu cabelo parou de cair na quantidade que caia.
Eu tive caspa uns seis meses depois de começar a técnica, usei um shampoo anti-caspa, depois não apareceram mais.
Sobre o crescimento, meus cabelos sempre cresceram de uma forma bem rápida, então não vi nenhuma diferença depois da técnica.
A parte ruim é que como meus cabelos estão mais hidratados eu acabei perdendo um pouco dos cachos e da definição.
A oleosidade ainda continua da mesma forma, por isso preciso lavar os cabelos todos os dias. E por causa de toda essa oleosidade, não faço o co-wash.


19 Comentários

  1. Que interessante Aline ^^
    Não conhecia esses procedimentos para cuidados com cabelos cacheados. Acho muito legal isso!

    :**
    In.Material

    ResponderExcluir
  2. É interessante isso, admiro quem faz mas eu não tenho paciência pra fazer isso não :(

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Já tinha ouvido falar disto e infelizmente sei que os shampoos normais estão cheios de produtos maus. O low-poo ainda poderia usar agora o no-poo faz-me alguma confusão. Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderExcluir
  4. Adorei o post, até me inspirei em começar, vou fazer que nem você e esperar acabar os produtinhos que tenho aqui aos poucos, vi a receita do shampoo de sabonete, parece tão simples, tentarei também, meu cabelo anda muitíssimo ressecado como você falou, espero ter os mesmos resultados. Beijos

    www.thaialves.com

    ResponderExcluir
  5. Babe, post de utilidade pública. Não conhecia essas técnicas, mas já estou amando. Você sempre com posts maravilhosos, sério.

    Beijão da Supimpa Girl

    ResponderExcluir
  6. Nunca tinha ouvido falar desse procedimento.
    Vou dar uma olhada nos produtos que tenho aqui, pra ver se alguns deles é recomendado. Tô bem que precisando fazer algo assim pra ver se meus cabelos se arrumam.

    adorei seu post
    beijos
    maisumbeijo.com

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia essas informações, que poste maravilhoso.
    Beijos.
    http://vinteedoisdemaio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia esses termos! Achei muito interessante. Meu cabelo cai bastante e talvez ajude... fiquei curiosa. Haha
    Adorei o post, muito completo pra quen quer entender mais. Beijo!

    Fe
    www.feejao.com

    ResponderExcluir
  9. Uaaaau, Aline que conteúdo maravilhoso.
    Quando eu tinha cabelo grande ele tinha uns cachos nas pontas. Mas se eu hidratasse, eles iam embora. A técnica do no poo eu fazia às vezes, por achar que meu cabelo ficava muito seco e duro, apesar de ser fininho quando eu usava determinados shampoos. Mas favoritei o post para eu fazer certo da próxima vez.
    Muito legal que seu cabelo tenha ficado mais macio e sem pontas duplas, esse é meu sonho! hehe
    Beeijos,
    http://www.utopiananuvem.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Que maximo amei as dica postagem ótima,
    tenha uma semana abençoada, obrigado pela visita
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderExcluir
  11. Os cabelos deve ficar maravilhoso amei a postagem,
    tenha uma semana abençoada, obrigado pela visita
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderExcluir
  12. comecei o low poo esse ano e tô amando demais. é uma técnica que quero levar pra minha vida, só tô vendo benefícios <3

    ResponderExcluir
  13. Quero muito fazer isso tbm para ver se vai funcionar comigo!
    otimo post, super informativo
    Beijos!!



    Jéssica R. Coelho Blog

    ResponderExcluir
  14. Eu sempre que posso faço um pouco da técnica e adoro sinto meus cabelos com outra vida.

    Beijos
    http://www.pimentadeacucar.com

    ResponderExcluir
  15. Mais uma adepta da técnica de Low <3 Eu to nessa faz quase 2 anos e não saio por nada, meu cabelo melhorou bastante!

    Beijão,
    Quase Mineira

    ResponderExcluir
  16. Amei conhecer essas técnicas, aposto que faz um bem danado pro cabelo, já favoritei o post! ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  17. Eu comecei a fazer parte de um grupo no facebook sobre isso e por enquanto eu só leio. Mas pretendo iniciar a técnica. Meu cabelo tbm é bem oleoso e preciso lavar com bastante frequência =/

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  18. Bacana demais ler sobre a sua experiência Aline. Eu ainda uso alguns produtos proibidos, mas apenas alguns que acabo recebendo das marcas e uso para testar. Na hora de comprar sempre opto pelos liberados, até porque são bem mais ecologicamente corretos. Um beijo!

    Não Me Mande Flores

    ResponderExcluir
  19. Adorei as técnicas e dicas!
    Te convido a conhecer meu blog <3

    Um beijo
    Carla Carrais | www.cahcarrais.wordpress.com

    ResponderExcluir